quarta-feira, 28 de setembro de 2011

Churrasco é vilão no surgimento de casos de câncer

Alimentos ricos em nitritos e nitratos, usados para conservar picles, salsichas e outros embutidos, e alguns tipos de enlatados também devem ser evitados Thaís Mota - Do Portal HD - 28/09/2011 - 16:16 FREDERICO HAIKAL dieta Correria do dia a dia é um dos fatores apontados por especialistas para má alimentação Programa legal de sábado para a maioria dos brasileiros, o churrasco é apontado como um dos vilões no desenvolvimento de câncer. O Ministério da Saúde também alerta para o consumo excessivo de alimentos que possuem alto nível de agentes cancerígenos, como os nitritos e nitratos usados para conservar picles, salsichas e outros embutidos, e alguns tipos de enlatados. Segundo pesquisa realizada pelo órgão em 2010, os tipos de cânceres relacionados aos hábitos alimentares no Brasil estão entre as seis primeiras causas de mortalidade pela doença. O oncologista Leandro Ramos diz que é preciso uma atenção especial com alimentos defumados. O médico explica que devido à forma como são preparados, expostos diretamente à fumaça, oferecem maior risco de desenvolvimento de células cancerosas. "Isso não significa que todo mundo que ingere esses alimentos vai desenvolver um câncer. Mas se a pessoa já tem uma predisposição genética, há um aumento do risco de apresentar a doença no futuro". A nutróloga Fernanda Schettino Cerqueira chama a atenção especialmente para o consumo de carnes vermelhas, um hábito bastante comum entre os brasileiros. Segundo ela, os riscos de câncer estão relacionados à forma de preparo da carne. No caso de churrascos, por exemplo, a médica explica que são formadas substâncias cancerígenas devido à exposição à fumaça. “O ideal é alternar a carne vermelha com as de peixe e de frango, e, se possível, preparar o prato cozido”. De acordo com o oncologista, além dos alimentos defumados, os produtos industrializados de maneira geral oferecem riscos para a saúde. "Essa comida rápida e pronta, rica em gordura, que é cada vez mais comum, é uma vilã para saúde de uma maneira geral, não somente para o câncer". Segundo pesquisa realizada pelo Ministério da Saúde em 2010, os tipos de câncer relacionados aos hábitos alimentares no Brasil estão entre as seis primeiras causas de mortalidade pela doença. A pesquisa, que entrevistou 54.367 pessoas, concluiu que o padrão alimentar no país mudou para pior, com um aumento no consumo de carne gordurosa (um em cada três entrevistados) e comidas semiprontas. Além disso, o estudo demonstrou que o brasileiro tem consumido mais refrigerantes e sucos artificiais, ingerido menos fibras e praticado pouca atividade física. Leandro Ramos explica que isso é um reflexo da correria do dia a dia, em que as pessoas têm cada vez menos tempo para se alimentar, e acabam comendo na rua ou comprando comidas prontas nos supermercados. O médico disse ainda que nunca é tarde para mudar os hábitos, incluindo alimentos mais saudáveis na dieta. Segundo a nutróloga Fernanda Schettino Cerqueira, alguns nutrientes apresentam um papel protetor quanto ao câncer de um modo geral e devem ser incorporados à alimentação diária. Entre as recomendações estão ingerir pelo menos três frutas ao longo do dia e consumir vegetais verde-escuros. E ainda, incluir o peixe no cardápio pelo menos duas vezes por semana. A médica orienta também que se evite o consumo excessivo de embutidos, álcool, churrasco, alimentos conservados no sal e defumados. "A dica é sempre colorir o prato quando se quer investir na saúde. Isso porque, ao selecionar alimentos com diferentes colorações, aumentam as chances de que se reúna um número maior de nutrientes variados". Atividade física A nutróloga Fernanda Schettino Cerqueira afirma que alguns tipos de câncer estão relacionados não só à ingestão de comidas gordurosas e defumadas, mas também à obesidade. “Pessoas acima do peso ideal são mais propensas a desenvolverem a doença, principalmente na mama”. Por isso é fundamental uma dieta saudável aliada à prática de exercícios físicos. “Sempre é tempo de buscar a saúde e cuidar de si mesmo. È importante mudar não só hábitos alimentares, mas, também, adotar hábitos saudáveis. Praticar exercícios regularmente e abandonar o cigarro são fundamentais para quem quer investir na própria saúde”. A médica alerta ainda para uma pesquisa da Organização Mundial da Saúde (OMS) que aponta que um em cada quatro casos de câncer de mama e de cólon intestinal poderiam ser evitados se os pacientes tivessem o hábito de praticar ao menos uma hora e meia de atividades físicas por semana. “O quadro é preocupante. Pelo menos um terço da população mundial é sedentária e 3,2 milhões de mortes causadas por câncer de mama ou de cólon anualmente estão ligadas à falta de exercícios físicos”. CHURRASCO CANCER

terça-feira, 27 de setembro de 2011

GOVERNO DE MINAS DISPONIBILIZARÁ AUXÍLIO FINANCEIRO PARA OS USUÁRIOS DE DROGAS

Famílias de usuários de drogas receberão auxílio de R$ 900 - mais conhecido como "AUXILIO NOIADO"

O financiamento começará a ser disponibilizado em novembro de 2011
Publicado no Jornal OTEMPO 

NATÁLIA OLIVEIRA
As famílias de dependentes químicos vão ganhar um auxílio financeiro do governo de Minas para o tratamento dos usuários de drogas em clínicas particulares. O cartão "Aliança pela Vida" irá disponibilizar, a partir de novembro, R$ 900 para os parentes com renda mensal de até dois salários mínimos para o custeio da internação. A criação de anexos psiquiátricos, uma espécie de enfermaria para o tratamento dos usuários, em hospitais públicos, também está em estudo pela Secretaria de Políticas sobre Drogas.

O cartão, batizado com o mesmo nome do programa de combate às drogas estadual lançado em agosto passado, é um projeto pioneiro no Brasil. De acordo com o subsecretário de Políticas sobre Drogas, Cloves Benevides, o benefício irá ajudar na ampliação da busca por tratamento e, ao mesmo tempo, irá minimizar o problema da falta de vagas. "Ele vai permitir a reabilitação de dependentes químicos, principalmente de crack, que são os casos mais graves. Isso evita as internações a longo prazo em clínicas psiquiátricas", afirmou. 

Cartões de crédito exclusivos que se encaixam ao perfil e necessidades de seus clientes.

Fonte: http://renataaspra.blogspot.com/ 


ACOMPANHE A AÇÃO DA URV - SOMENTE PARA SÓCIOS ASPRA/MG

URV – 006 1436 46 2003 813 0024 

DOCUMENTAÇÃO  NECESSÁRIA PARA AÇÃO URV



* CÓPIA DA IDENTIDADE MILITAR E

* CÓPIA DOS  SEGUINTES DEMONSTRATIVOS DE PAGAMENTO:

  • NOVEMBRO DE 1993
  • DEZEMBRO DE 1993

  • JANEIRO DE 1994
  • FEVEREIRO DE 1994
  • MARÇO DE 1994
  • ABRIL DE 1994

– ação coletiva – pede documentação individual  para  execução – dependem da publicação do acordon para executar.
Fonte: Blog da renata - http://renataaspra.blogspot.com/

2ª Instância - Dados do processo

Expedientes Enviados para Publicação

NUMERAÇÃO ÚNICA: 0061436-46.2003.8.13.0024
Cartório da 8ª Câmara Cível - Unidade Goiás ATIVO

Data pauta: 30/06/2011
Apelante(s) - ASPRA ASSOC PRAÇAS POLICIAIS BOMBEIROS MILITARES MINAS GERAIS, representado(a)(s) por, PRESIDENTE LUIZ GONZAGA RIBEIRO; Apelado(a)(s) - ESTADO MINAS GERAIS; Relator - Vieira de Brito Revisor - Bitencourt Marcondes Reincluídos na pauta de 07/07/2011, às 13:30 horas-Sessão anterior - (Pediu vista o Relator) Adv - GERALDO FERREIRA MONCAO, ALOISIO VILACA CONSTANTINO, SERGIO TIMO ALVES, FABIANO RIQUETTI, CLAUDIO CEZAR DE ASSUNCAO OLIVEIRA, FABIANO AUGUSTO RODRIGUES RIBEIRO.
Data pauta: 04/04/2011
Apelante(s) - ASPRA ASSOC PRAÇAS POLICIAIS BOMBEIROS MILITARES MINAS GERAIS, representado(a)(s) por, PRESIDENTE LUIZ GONZAGA RIBEIRO; Apelado(a)(s) - ESTADO MINAS GERAIS; Relator - Vieira de Brito Revisor - Bitencourt Marcondes Autos incluídos na pauta de julgamento de 14/04/2011, às 13:30 horas Adv - GERALDO FERREIRA MONCAO, ALOISIO VILACA CONSTANTINO, SERGIO TIMO ALVES, FABIANO RIQUETTI, CLAUDIO CEZAR DE ASSUNCAO OLIVEIRA, FABIANO AUGUSTO RODRIGUES RIBEIRO.
Data pauta: 24/09/2010   
NUMERAÇÃO ÚNICA: 0061436-46.2003.8.13.0024
Cartório da 8ª Câmara Cível - Unidade Goiás ATIVO

Classe:  Apelação Cível Processo Siscom:  24.3.6143
Assunto:  Extinção do Processo Sem Resolução de Mérito < Formação, Suspensão e Extinção do Processo < DIREITO PROCESSUAL CIVIL E DO TRABALHO
Câmara:  8ª CÂMARA CÍVEL
Documento Origem:  002403006143-6 Tipo Documento Origem:  PROCESSO
Data Cadastramento:  23/09/2010 Data Distribuição:  24/09/2010

Apelante(s):  ASPRA ASSOC PRAÇAS POLICIAIS BOMBEIROS MILITARES MINAS GERAIS representado(a)(s) por PRESIDENTE LUIZ GONZAGA RIBEIRO
Apelado(a)(s):  ESTADO MINAS GERAIS

Última(s) Movimentação(ões):
Resultado do julgamento realizado na Sessão:    07/07/2011    Provido(s) em parte Assistiu ao julgamento Dr. Fabiano augusto Ribeiro, pela apelante
Autos reincluídos na pauta de julgamento de    07/07/2011    (Pediu vista o Relator)
Autos devolvidos    28/06/2011    : p/ Relator - reincluir em pauta

Dados Completos Todos Andamentos Todas as Partes/Advogados Expediente(s) Enviado(s) para Publicação
Fonte: http://www.tjmg.jus.br/juridico/sf/proc_resultado2.jsp?lst_processos=&listaProcessos=00614364620038130024
  

Polícia (USA) procura bandido igual a Ronaldinho Gaúcho

Retrato falado de invasor que assustou idosa na Carolina do Sul é a cara do dentuço
Do R7
Reprodução
Não é a cara do R10?
bandido-r10-mA polícia de Anderson, na Califórnia do Sul, divulgou o retrato falado do suspeito de invadir a casa de uma senhora no começo deste mês.
A descrição foi baseada no testemunho da idosa e revela uma pessoa com dentes incisivos protuberantes, usando um gorro de lã.
A gente achou esquisito porque isso aconteceu na madrugada do dia 11/09 e, neste dia, o Ronaldinho estava em campo, defendendo o Flamengo pelo Brasileirão.
No estádio Cláudio Moacyr, em Macaé (RJ), o time do dentuço perdeu de 2 a 1 para o Atlético-PR (sim, veja aqui) , mas foi ele quem bateu o escanteio que resultou no gol de honra do time carioca.
Se não fosse por esse álibi, o dentuço estaria entre os suspeitos.

MINAS GERAIS - CRISE NA EDUCAÇÃO

Polícia Civil de MG abre prazo para 349 vagas para delegado e escrivão

Salário são, respectivamente, de R$ 5.716,87 e R$ 2.041,72.
Os dois cargos exigem nível superior.

Do G1, em São Paulo

A Polícia Civil de Minas Gerais abre nesta terça-feira (27) as inscrições de dois concursos: um para 144 vagas de delegado de polícia, cujo salário é de R$ 5.716,87; e 205 para escrivão, cuja remuneração é de R$ 2.041,72.

quinta-feira, 22 de setembro de 2011

Suprema Corte rejeitou último recurso de suspensão da polêmica execução. Davis foi condenado à morte pelo assassinato de um policial em 1989.

Estado norte-americano da Geórgia executa o condenado Troy Davis

Do G1, com agências internacionais
O estado norte-americano da Geórgia executou nesta quarta-feira (21) o condenado à morte Troy Davis.
Troy Davis em foto divulgada pelas autoridades (Foto: AP) O caso chamou a atenção internacionalmente após as reclamações de seus advogados de que as provas contra ele eram falsas e enganosas.
Davis, que é negro, foi condenado à morte por injeção letal pelo assassinato, em 1989, de um policial branco.
A Suprema Corte do Condado da Geórgia, no sudeste dos EUA, também havia rejeitado no mesmo dia um recurso apresentado pela defesa.



Troy Davis, em foto divulgada pelas
autoridades (Foto: AP)


Juíza: escuta descobre que PM queria fugir do BEP

Investigação

Vera Araújo (varaujo@oglobo.com.br)

RIO - Uma interceptação telefônica dentro do Batalhão Especial Prisional (BEP) foi o estopim para a transferência dos três PMs acusados do assassinato da juíza Patrícia Acioli, que estavam presos lá, para diferentes unidades de detenção. Na gravação, um dos PMs comentou com outra pessoa, por telefone, que seria fácil fugir do BEP. A descoberta fez com que o Ministério Público pedisse a transferência imediata do tenente Daniel dos Santos Benitez Lopes e dos cabos Sérgio Costa Júnior e Jefferson de Araújo Miranda da unidade, destinada a receber PMs.
Benitez foi transferido para Bangu 8; Jefferson está na Divisão Antissequestro (DAS), no Leblon; e Júnior ficou na Divisão de Homicídios (DH), na Barra, responsável pela investigação do caso. A prisão temporária deles, em decorrência da acusação do assassinato da juíza, foi decretada há 11 dias, mas os três já se encontravam presos no BEP por decisão da própria Patrícia Acioli, no dia em que ela foi morta, no fim da noite de 11 de agosto.
A preocupação dos promotores do caso Patrícia Acioli tem fundamento. Em 2 de setembro passado, o ex-PM Carlos Ari Ribeiro, que responde a 12 processos por homicídio, fugiu do BEP em circunstâncias ainda não esclarecidas. Um capitão, que estava de plantão no dia da fuga, chegou a ser detido. Na ocasião, o corregedor da PM, coronel Ronaldo Menezes, disse que supostamente houve favorecimento, mas o caso ainda está sendo investigado. Como mostra nesta quinta-feira uma reportagem do jornal "Extra", em setembro do ano passado, Carlos Ari fez uma festa no BEP, com bolas de encher, doces e até uísque, para comemorar o aniversário de um dos filhos.
Desde que o BEP foi inaugurado, há cerca de sete anos, houve oito fugas. Apesar de ser uma cadeia destinada a PMs da ativa, o BEP abriga hoje oito ex-PMs. Carlos Ari estava lá por força de uma liminar da Justiça.
A advogada Alzira de Castro Garcia pediu à Justiça a transferência do cabo Júnior da DH para uma unidade militar. No pedido, ela argumenta que não há carceragem na DH e que seu cliente está num cômodo em más condições.
Patrulhas suspeitas estão sendo investigadas
O GLOBO revelou na quarta-feira que a DH está investigando a movimentação suspeita de duas patrulhas do 12ª BPM (Niterói) na noite do assassinato da juíza . Os dois veículos, nos quais estavam seis PMs, foram rastreados pelo sistema GPS na noite do crime (11 de agosto) até a madrugada do dia seguinte. Segundo o comandante em exercício do 12º BPM, tenente-coronel Washington Freire, a denúncia já foi enviada à Corregedoria da Polícia Militar. A DH investiga a participação de mais policiais.
- Como o caso envolve o nosso quartel e o 7º BPM (São Gonçalo), é provável que a investigação fique a cargo da própria corregedoria. Vamos colaborar com o que for possível - disse o oficial.

Leia mais sobre esse assunto em http://oglobo.globo.com/rio/mat/2011/09/21/juiza-escuta-descobre-que-pm-queria-fugir-do-bep-925415767.asp#ixzz1YhVTyrIt
© 1996 - 2011. Todos os direitos reservados a Infoglobo Comunicação e Participações S.A.

TJMG recebe dois recursos de professores estaduais em greve há 107 dias

22/09/2011 09h05

TABATA MARTINS
Siga em: twitter.com/OTEMPOonline

FOTO: ALEXDEJUSUS/OTEMPO
Manifestantes tentaram impedir a entrada dos deputados nessa quarta-feira (21)
Na tentativa de derrubar a liminar que determina a suspensão da greve que já dura 107 dias, o Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação do Estado (Sind-UTE/MG) protocolou dois recursos no Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) nessa quarta-feira (21).
De acordo com a assessoria do TJMG, um dos recursos pede a reconsideração do desembargador Rooney Oliveira em relação à liminar que determinou a volta imediata dos professores às salas de aula. Já o outro é um agravo regimental, em que foi pedida a análise dos demais desembargadores da vara, caso Rooney Oliveira não decida por derrubar a liminar. Ao contrário do primeiro recurso, que a decisão cabe ao próprio desembargador, o agravo será julgado pela Câmara.
Nessa terça-feira (20), os professores passaram a noite acampados em frente à Assembleia Legislativa de Minas Gerais, no bairro Santo Agostinho, e fizeram um protesto na manhã dessa quarta-feira (21). Segundo a assessoria de imprensa da ALMG, os manifestantes obstruíram a garagem e tentaram impedir a entrada dos deputados.  Com o protesto, policiais militares foram acionados e foi feita uma negociação com o presidente da casa, deputado Dinis Pinheiro, para que os professores liberassem a passagem sem que houvesse necessidade de confronto.
Ainda não há data marcada para o julgamento dos dois recursos protocolados pelo Sind-UTE/MG.
  Fonte: http://www.otempo.com.br/noticias/ultimas/?IdNoticia=130277

terça-feira, 20 de setembro de 2011

Pastor em Valadares promete perda de peso só com sopro

Milagre
Oração promete perda de peso
Pelo menos 60 fiéis teriam testado o ritual oferecido pelo líder religioso
Publicado no Jornal OTEMPO em 20/09/2011

ANA CLARA OTONI

FOTO: REPRODUÇÃO/YOUTUBE
Fórmula. Oração do emagrecimento, do pastor Flamarion Rolando, ganhou adeptos em outras igrejas
Uma oração fervorosa finalizada com um sopro é a nova promessa de emagrecimento instantâneo de um pastor de Governador Valadares, no Vale do Rio Doce. Pelo menos 60 pessoas teriam testado o exercício de fé na 1ª Igreja do Evangelho Quadrangular da cidade, durante os cultos do líder religioso Flamarion Rolando. O ritual consiste na convocação de grupos de três a cinco fiéis, acima do peso, até o altar do templo para uma reza. No fim do ritual, Rolando sopra os participantes.
O funcionário da igreja Raí Campos Malta, 19, garante que a prece funciona para quem acredita no poder da oração. Mas não é feita para quem quer ficar com o corpo sarado. Para receber o privilégio, de acordo com Malta, as pessoas são selecionadas "a dedo" pelo pastor. "Não é para a pessoa ficar bonita como a Gisele Bündchen, mas pra tratar da saúde", afirmou.
O pastor Fausto França, da Igreja do Evangelho Quadrangular, em Varginha, no Sul de Minas, confirma o "milagre" conseguido pelo colega. França afirmou já ter presenciado o emagrecimento de uma mulher atendida pelas preces de Rolando. "Precisaram arrumar roupas para ela ir embora. Parece que Deus deu um corpo novo a ela", contou.
Rolando atua há nove anos na 1ª Igreja do Evangelho Quadrangular e, segundo funcionários do local, o suposto sucesso da oração teria inspirado pastores de outras cidades a usarem a fórmula da perda de peso com seus fiéis. "Numa outra igreja, dizem que um homem caiu e, quando levantou, tinha emagrecido 30 kg", contou Malta.
O pastor Flamarion Rolando foi procurado pela reportagem, mas informou, por meio de um colega da igreja do Vale do Rio Doce, que não teria interesse em falar sobre o assunto.
Descrença. O médico João Gabriel Marques Fonseca, professor da Faculdade de Medicina da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), ironizou a iniciativa do líder religioso afirmando que a única chance de uma pessoa perder peso instantaneamente é se ela cortar um pedaço do corpo. "Não há como o corpo manipular gordura de uma forma tão rápida. Um piloto de Fórmula 1, por exemplo, pode perder até cinco quilos durante uma corrida", explicou o médico, que há 35 anos acompanha pacientes com obesidade.
Para o especialista, o que acontece com frequência é a pessoa perder peso a partir da sugestão de alguém em quem confia. "Muitas pessoas, independente do ritual, aceitam o conselho de um amigo, de um pastor ou de um médico e passa a comer menos, reduzir a sua ansiedade e se exercitar. Aí sim, ela pode emagrecer", afirmou o médico.

Polícia Militar de Minas Gerais abre prazo de concurso para 308 vagas

Cargos são de nível médio e superior.
As vagas são para unidades do Colégio Tiradentes da Polícia Militar.

Do G1, em São Paulo
A Polícia Militar de Minas Gerais abre nesta terça-feira (20) as inscrições do concurso para 308 vagas em cargos de nível médio e superior na área da educação para os cargos de assistente administrativo, professor de educação básica e especialista em educação básica.

Polícia Militar de Minas Gerais
Inscrições
De 20 de setembro a 19 de outubro
Vagas
308
Salário
R$ 911,98 e R$ 1.320,00
Taxa
R$ 37,41 e R$ 47,41
Provas
8 de janeiro de 2012
Os cargos são de assistente administrativo (R$ 911,98); especialista em educação básica - orientação educacional e supervisão pedagógica; professor de educação básica (anos iniciais do ensino fundamental, ciências/biologia, educação física, física, geografia, história, inglês, língua portuguesa, matemática e química) - os dois últimos cargos têm salário de R$ 1.320,00.
As vagas são para unidades do Colégio Tiradentes da Polícia Militar.
As inscrições devem ser feitas das 10h de 20 de setembro às 14h de 19 de outubro pelo site www.concursosfcc.com.br.
A taxa será de R$ 47,41 para especialista em educação básica e professor de educação básica e de R$ 37,41 para assistente administrativo.
A aplicação da prova objetiva está prevista para o dia 8 de janeiro de 2012, com duração de quatro horas e será realizada no estado de Minas Gerais, nas cidades sedes das Unidades do Colégio Tiradentes da Polícia Militar de Minas Gerais constantes do Anexo II. Haverá ainda prova de títulos.

Mais de 150 quilos de pasta base de cocaína são apreendidos em Lagoa Santa


19/09/2011 18h11

LETÍCIA SILVA/RICARDO VASCONCELOS
Siga em: twitter.com/OTEMPOonline

FOTO: CRISTIANO TRAD / O TEMPO
Uma denúncia anônima levou militares do 36º Batalhão da Polícia Militar a uma casa no bairro Visão, em Lagoa Santa, região metropolitana de Belo Horizonte, nesta segunda-feira (19).
Quando chegaram ao local, munidos de mandado de busca e apreensão emitido pela Justiça da cidade, os militares encontraram mais de 150 quilos de pasta base de cocaína, um quilo de crack, balança de precisão, vários cheques, joias e alguns relógios modelo Rolex, avaliados em mais de mil reais, cada um.
Na garagem da casa, que segundo informações do capitão Bastos, foi alugada exclusivamente para o tráfico, estavam estacionados dois veículos, que também foram apreendidos. Dois homens, de 35 e 38 anos, foram presos em flagrante.
Segundo a polícia, em um dos telefones que estava com os suspeitos, havia ligações com prefixo de Cuiabá, no Mato Grosso. Por isso, os militares acreditam que o material tenha sido trazido de lá. A droga seria distribuída em Belo Horizonte.
Conforme a PM, os 150 quilos de pasta base foram avaliados em R$ 1,3 milhão. Caso fossem transformados em cocaína, o valor subiria para quase R$ 3 milhões. Ainda de acordo com a PM, trata-se da maior apreensão de cocaína do ano.
Fonte: http://www.otempo.com.br/noticias/ultimas/?IdNoticia=129988

Com eventos e cuidados de beleza, mulheres celebram 30 anos na polícia mineira.

Elas trocaram saias, sandálias e maquiagem por coturnos e representam bem a PMMG
Arnaldo Viana - Estado de Minas
Publicação: 20/09/2011 06:58 Atualização: 20/09/2011 07:03

A mulher representa, na questão da segurança pública, inserção de maior sensibilidade no trato com as necessidades da comunidade - Marianna Atatília, primeira-tenente ( Tulio Santos/EM/D.A Press. Brasil)
A mulher representa, na questão da segurança pública, inserção de maior sensibilidade no trato com as necessidades da comunidade - Marianna Atatília, primeira-tenente
Há 30 anos, a mulher mineira conseguiu entrar em um mundo até então estritamente masculino e de sentimentos rudes. Em 1º de setembro de 1981, elas, ainda em pequeno número, invadiram, no bom sentido, os quartéis da Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG). Trocaram saias, sandálias e maquiagem por coturnos e fardas amarelas e de lá não mais saíram. Deram à corporação uma injeção de sensibilidade, leveza, flexibilidade e compartilhamento. A iniciativa deu certo e o olhar feminino ganhou uma página na cartilha da segurança pública do estado.

Essa abertura não amoleceu o coração da PMMG na sua missão de recolher o mal das ruas e levá-lo para o devido lugar. Apenas mudou conceitos. Tanto que para comemorar essas três décadas de portas abertas ao mundo feminino a data escolhida para o início das solenidades foi o Dia da Beleza, 19 de setembro. “Estamos festejando em cinco dimensões: o conhecimento, a beleza, a saúde, o compromisso militar e a alegria”, diz a coronel Neuza Maria Aparecida Mendes, diretora de saúde da corporação.

O conhecimento veio de um seminário, ontem de manhã, com participação da ministra Cármen Lúcia Antunes Rocha, do Supremo Tribunal Federal (STF); a beleza entrou em cena à tarde, com trato nos cabelos (escova e luzes), limpeza de pele, maquiagem e massagem; a saúde é tema de hoje em uma caminhada no Parque Ecológico Francisco Lins do Rêgo, na Pampulha; a reafirmação profissional será à tarde em solenidade cívico militar; e a alegria vai correr solta à noite em um baile no Labareda Atlético Clube.

Em meio a esteticistas, maquiadoras, cabeleireiras, elas sentiram à vontade. Vaidade à flor de pele. “Um momento para tratar da feminilidade, de cuidar do corpo e da mente. Elas são soldados, mas precisam também ser mulheres, se valorizar como mulheres”, conta a coronel Neuza, que teve a primeira experiência como militar em um quartel do 1º Batalhão, no qual só havia homens. “A pergunta que se fazia era: será que ela vai dar conta do serviço? Como não fui lá para enfeitar, mas para somar, podemos dizer hoje que deu certo.”

FAMÍLIA Bonita, solteira, sonhadora, 25 anos, a 1º tenente Marianna Atatília confiou os cabelos a uma cuidados de uma profissional. “A mulher representa, na questão da segurança pública, inserção de maior sensibilidade no trato com as necessidades da comunidade. Ela tem mais facilidade para identificar carências e problemas.” Há três anos na corporação, elas acrescenta à relevância das características femininas um forte senso de profissionalismo e dedicação. “O baile, hoje, vai marcar nossa alegria por pertencermos a esta família.”

A tenente Maria Inês de Campos Orlando, de 52, e a major Márcia Antônia da Silva, de 50, estavam entre as 112 mulheres aprovadas na primeira seleção da PM, em 1981. Garante que não tiveram dificuldade em superar a desconfiança masculina nos quartéis. “A questão era se iríamos cumprir bem nosso papel. Saíamos às ruas sob olhares curiosos, mas sempre respeitosos, sem preconceito, e hoje podemos dizer que demos certo”, afirma Maria Inês, com aprovação de Márcia Antônia. “Se precisar revistar homens a gente revista, faz parte do nosso trabalho. E, geralmente, o constrangimento maior é deles”, diz Antônia.

O entusiasmo das duas, que construíram carreira e família vestidas de farda e coturno, anima Yara Gabrielle Tavares Mais, de 19, há oito meses na corporação. “Fui influenciada pelo meu pai, militar. As histórias e a trajetória dele me incentivaram.” Yara espera fazer carreira num universo que já representa 10% do efetivo de cerca 40 mil militares da PM. 

Cidades sem delegacias de plantão podem enviar ocorrências por email e fax

Nova resoluçaõ da Seds define que PM passa a usar os recursos tecnológicos para envio de cópia do registro à unidade da Polícia Civil de plantão

Landercy Hemerson -
Publicação: 20/09/2011 07:27 Atualização: 20/09/2011 07:32

O secretário de Estado de Defesa Social (Seds), Lafayette Andrada, anunciou na segunda-feira como ficam as regras de registro e tramitação das ocorrências policiais nos municípios mineiros que não contam com plantões noturnos, nos fins de semana e feriados em suas delegacias sede. Para pôr fim às polêmicas causadas por uma decisão divulgada no fim de agosto, será publicada hoje a Resolução Conjunta 149/2011 da Seds, polícias Civil e Militar e Corpo de Bombeiros, que reafirma as atribuições das corporações, conforme determina a Constituição Federal, além de traçar a linha de conduta em relação a crimes de menor potencial ofensivo.

Lafaytte Andrada preferiu definir a nova resolução como um mecanismo para esclarecer as dúvidas geradas em torno do registro das ocorrências. Pelas novas regras, o policial militar passa a usar os recursos tecnológicos, internet ou fax, para envio de cópia do Registro de Eventos de Defesa Social (Reds) à unidade da Polícia Civil de plantão de sua área, nos casos de crimes de menor potencial ofensivo, previstos na Lei 9.099/95, conhecida como Lei dos Juizados Especiais.

Caberá ao delegado de plantão analisar o Reds, para definir sobre a necessidade de apresentação do suposto autor na delegacia. Ele também decidirá pela liberação do acusado, testemunhas e vítima, em se tratando de crime de menor potencial, sem prática de violência e sem histórico de ameaças. Isso, mediante despacho, na forma da Lei 9.099, em que será colhida assinatura dos envolvidos pelo PM, em que eles se comprometem a comparecer perante as autoridades competentes.
Fonte: http://www.em.com.br/app/noticia/gerais/2011/09/20/interna_gerais,251609/cidades-sem-delegacias-de-plantao-podem-enviar-ocorrencias-por-email-e-fax.shtml

segunda-feira, 19 de setembro de 2011

Dilma é capa da revista 'Newsweek'

Publicação retrata em reportagem atual momento do Brasil.
Nos EUA, Dilma faz discurso de abertura de assembleia da ONU.

Do G1, em São Paulo
A presidente Dilma Rousseff é retratada na capa da revista "Newsweek" que chega às bancas nesta semana. A reportagem, disponível na versão online, aborda a forma como a presidente conduz o governo, fala da repressão à corrupção federal e também retrata um pouco de sua vida pessoal, lembrando que ela divorciou-se duas vezes e, aos 63 anos, é avó.
Dilma participa nesta semana de compromissos nos Estados Unidos. Ela participará de diversas reuniões bilaterais com outros chefes de Estado e na quarta-feira (21)  fará o discurso de abertura da Assembleia Geral das Nações Unidas.
Com Dilma na capa, revista dá destaque para reportagens sobre a situação da mulher no mundo (Foto: Divulgação) A reportagem de capa da publicação americana tem com título "Don’t Mess With Dilma" (em tradução literal, "Não mexa com Dilma"). O artigo sobre Dilma é parte de uma série de textos sobre o protoganismo feminino destacado na edição da revista. Na capa, que tem uma foto de Dilma desfilando em carro aberto no dia de sua posse, a manchete aponta: "Where women are winning" (em tradução literal, "Onde as mulheres estão vencendo".)
Em entrevista à “Newsweek”, Dilma lembrou seu legado político junto ao ex-presidente Lula e recontou uma história em que uma criança lhe interpelou durante a campanha em um aeroporto perguntando se uma mulher poderia ser presidente. “Ela pode”, lembra Dilma de ter respondido à garota.
A “Newsweek “reconta parte da história política e econômica brasileira, afirmando que a popularidade de Dilma continua alta mesmo com os seguidos escândalos de corrupção que agitam a imprensa. Segundo o repórter da publicação, a presidente não aparenta sinais da quimioterapia que enfrentou para combater o câncer durante a campanha eleitoral
A revista destaca o crescimento da economia brasileira e a criação de mais de 1,5 milhão de empregos nos primeiros meses de 2010. Na entrevista, Dilma disse que, “quando era pequena, gostaria de ser bailarina ou bombeira”. Dilma afirmou: “Eu não sei se este é um novo mundo, mas o mundo está mudando”, afirmou, lembrando-se da garota que a questionou sobre o fato de mulheres buscarem a presidência.
Dilma também fala sobre sua passagem pela prisão durante o regime militar e da importância do Brasil e de países emergentes para ajudar a economia mundial.

domingo, 18 de setembro de 2011

Real fica em 29º lugar no ranking de moedas seguras


Entre 43 países avaliados, o Brasil ficou em 29º lugar, prejudicado, principalmente, pelas medidas de controle de capital adotadas nos últimos anos


Adriano Machado/AFP
dinddin
O real pode ser a moeda preferida dos investidores internacionais para os lucros de curtíssimo prazo
O real pode ser a moeda preferida dos investidores internacionais para os lucros de curtíssimo prazo, mas fica atrás de moedas do Peru, Malásia, Hungria e Croácia, além de vários países desenvolvidos, como refúgio seguro para o dinheiro em caso de estourar uma nova crise financeira. É o que mostra um estudo feito por analistas da corretora japonesa Nomura Securities, que elaborou um ranking de moedas mais seguras para os investimentos. Entre 43 países avaliados, o Brasil ficou em 29º lugar, prejudicado, principalmente, pelas medidas de controle de capital adotadas nos últimos anos.

O dólar americano, mesmo depois de os Estados Unidos terem perdido a nota máxima AAA de classificação de risco pela agência de rating Standard & Poor's (S&P), permanece no primeiro lugar como moeda mais segura para investir, seguida do iene japonês e do euro. O último lugar ficou com a coroa da Islândia, país símbolo da crise financeira mundial de 2008, que sucumbiu a uma dívida bancária dez vezes o tamanho da sua economia, resultando numa desvalorização da moeda superior a 80% e a adoção de rígido controle cambial.

Na América Latina, a melhor colocação coube ao peso do Chile, seguido pelo novo sol do Peru e o peso do México, enquanto que o peso argentino teve a pior avaliação na região. As moedas latinas, no geral, tiveram avaliação fraca em razão de problemas com inflação, classificação de risco da dívida soberana e critérios de governança, apontou o estudo.

"Apesar de ter um balanço de pagamentos ainda sólido, o Brasil perdeu várias posições quando avaliamos a questão da flexibilidade e da conversibilidade do real em razão das medidas adotadas recentemente (de controle cambial) e que amedrontam os investidores, que temem o risco de medidas adicionais no futuro", disse em entrevista à Agência Estado Peter Attard Montalto, um dos analistas que assinam o estudo da Nomura Securities. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

A NECESSIDADE DA POLÍCIA MILITAR NO ESTADO DE DIREITO





  
O Estado de Direito não é e nunca foi incompatível com uma força policial organizada na hierarquia e na disciplina. O que deveria se questionar e que não tem sido questionado é porque no Brasil a lei penal busca apenas e tão somente beneficiar o infrator se esquecendo da vítima.
O exemplo mais recente destas mudanças são as alterações ocorridas no Código de Processo Penal onde a prisão preventiva somente será admitida em casos excepcionais, ou mesmo a prisão em flagrante, uma vez que os crimes apenados com prisão, reclusão ou detenção, até quatro anos permitirão que o Delegado de Polícia possa fixar fiança ao infrator.
Mas, não se deve esquecer que a violência é uma realidade no país, o que leva inclusive os organismos internacionais a questionarem o nível de segurança que é oferecido no Brasil tantos aos seus nacionais como àqueles que estão de passagem pelo território nacional.
Por força da Constituição Federal de 1988 a Polícia Militar é a responsavel pela preservação da ordem pública em seu aspecto segurança pública, e em razão disto é responsável pelo policiamento ostensivo e preventivo.
Ainda segundo o texto constitucional a Polícia Militar assim como o Corpo de Bombeiros Militar é uma instituição organizada com base na hierarquia e na disciplina, que são essenciais para que possam bem desenvolver a sua missão destinada a preservação da ordem pública.
Existem críticas no sentido de que a Polícia Militar não deveria ser organizada em princípios de natureza militar, mas estas afirmações divorciadas da realidade são decorrentes da falta de conhecimento do funcionamento destes organismos.
Diversamente do que se poderia pensar, na Polícia Militar existe um respeito efetivo a dignidade de seus integrantes, e ainda uma cultura voltada para a preservação dos direitos fundamentais do cidadão representada pelas disciplinas inseridas nos cursos de formação de direitos humanos, e ainda da integração efetiva com a sociedade.
Os fatos irregulares praticados por policiais e que são levados ao conhecimento das Corregedorias são devidamente apurados e resultam em muitas casos ainda no âmbito administrativo na demissão ou exclusão do policial militar que se afastou dos princípios estabelecidos nos regulamentos disciplinares ou mesmo nos Códigos de Ética e Disciplina.
A Polícia Militar é e continua sendo necessária no Estado de Direito e vem prestado no decorrer dos últimos anos, entenda-se mais de 150 anos em muitos Estados da Federação, uma serviço de qualidade que tem permitido que a violência não se torne uma endemia, e por consequência leve o país ao caos.
Se existem problemas no atual sistema de segurança pública brasileiro estes não estão na Polícia Militar, e sim na falta de presídios, na falta de uma política efetiva de segurança pública, na falta de leis que permitam uma retribuição efetiva ao infrator para que este não volte a praticar novos atos ilícitos.
Enquanto existir no país uma política voltada para beneficiar infratores em detrimento das vítimas a violência continuará sendo uma realidade, e as pessoas continuarão morrendo vítimas de bêbados nas estradas e nas cidades, vítimas de homicídios, latrocínios, seqüestros, e em muitas casos enquanto as vítimas suportam o prejuízo, ou preparam o enterro de seus familiares, os infratores estarão saindo pela porta da frente mediante o pagamento de uma fiança por força de lei.
Portanto, não basta apenas criticar a Polícia Militar e pregar a sua extinção por causa do Estado de Direito, o qual muitos ainda não entenderam o seu significado. É preciso uma análise efetiva do sistema que envolve vários outros aspectos e que não tem sido objetivo de investimentos nos últimos anos.
PAULO THADEU RODRIGUES ROSA
Juiz de Direito em Minas Gerais
Professor de Direito Penal na Academia da Polícia Militar
Mestre em Direito pela Unesp 
  Fonte: http://www.aopmbm.org.br/vale-a-pena-ler-de-novo/290-a-necessidade-da-policia-militar-no-estado-de-direito

Em defesa de um policial,Promotor diz que bandido "tem que tomar tiro para morrer"


Bandido que dá tiro para matar tem que tomar tiro para morrer. Foi com argumentos desse tipo que o 1º promotor de Justiça do 5º Tribunal do Júri, Rogério Leão Zagallo, pediu à Justiça de São Paulo que arquivasse um processo sobre um suposto assalto contra um policial civil que terminou com um suspeito morto. O crime, considerado pelo promotor como ato de "legítima defesa" ocorreu em setembro de 2010. O texto da promotoria é de 24 de março de 2011.
De acordo com o pedido do Ministério Público, o policial civil Marcos Antônio Teixeira Marins foi abordado por dois bandidos enquanto dirigia pela rua Antônio Mariane, no bairro do Caxingui, em São Paulo, no dia 16 de setembro do ano passado. Embora estivesse à paisana, ele teria se identificado como policial após ser abordado pelos dois supostos criminosos: Antônio Rogério Silva Sena e Thiago Pereira de Oliveira. Houve, então, uma troca de tiros e um dos suspeitos, Sena, morreu.
Fonte: http://aspmg10.blogspot.com/