sábado, 30 de abril de 2016

CRAFs serão liberados pelas Regiões Militares


O Comando Logístico do Exercito publicou a Portaria de nº 26 - COLOG, no último dia 19 de abril de 2016, que delega competência aos Comandantes de Regiões Militares, na forma da legislação em vigor, para autorizarem a aquisição de armas de fogo, de uso restrito e permitido, e respectivas munições para as seguintes categorias profissionais:
1. Militares do Exército;
2. Policiais federais;
3. Policiais rodoviários federais;
4. Policiais civis;
5. Policiais militares e bombeiros militares;
6. Auditores fiscais e analistas tributários da Receita Federal.

Policiais e bombeiros militares esperavam por até dois anos pelo Certificado de Registro de armas de Fogo (CRAF), um dos motivos seria a centralização das liberações em Brasília. No último dia 6 de o deputado federal Subtenente Gonzaga e pelo presidente da Aspra/PMBM, sargento Marco Antônio Bahia, protocolaram junto ao diretor de produtos contratados, o General de Brigada, Ivan Ferreira Neiva Filho, Diretor de Fiscalização de Produtos Controlados, um ofício solicitando urgência na liberação dos Certificados de Registro de Armas de Fogo (CRAF) e solicitando a descentralização das liberações.
Na ocasião, o General Ivan Neiva afirmou que até julho os estados que possuem região militar fariam a liberação dos CRAFs: “A publicação desta portaria vem ao encontro de uma reivindicação antiga dos policiais e bombeiros militares inativos que necessitam portar armas de fogo para a sua defesa e de seus familiares devido aos altos riscos da profissão. Parabenizamos ao Comando Logístico do Exército que entendeu a importância desta demanda e prontamente atendeu ao nosso pedido. Acreditamos que a liberação dos CRAFs pelas regiões militares trará grandes benefícios para estes militares” afirmou sargento Bahia.
Renata Pimenta

Nenhum comentário:

Loading...

Arquivo do blog