quinta-feira, 23 de junho de 2016

Justiça mineira determina que policiais civis retornem ao trabalho

Após quatro dias

Decisão entende que greve da Polícia Civil é ilegal; para cada dia de descumprimento da determinação, haverá uma multa no valor de R$ 350 mil

PUBLICADO EM 23/06/16 - 12h01

Uma decisão da Justiça Mineira determina que policiais civis retornem imediatamente ao trabalho por entender que a greve da Polícia Civil é ilegal. Na decisão, o tribunal alega que foi desencadeada uma greve sem nem mesmo estabelecer qualquer cronograma de negociação. O órgão também entende que o movimento trouxe inúmeros prejuízos.

A decisão do final da tarde desta quarta-feira (22) partiu de um pedido encaminhado ao Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) pela Advocacia Geral do Estado. A Justiça ainda declarou que, em caso de descumprimento da determinação, o sindicato terá que pagar uma multa diária no valor de R$ 350 mil.

O Sindicato dos Servidores da Polícia Civil do Estado de Minas Gerais (Sindpol/MG) ainda não foi notificado e, por enquanto, a greve continua. A Polícia Civil também não foi notificada oficialmente.
O TJMG marcou uma audiência de conciliação para 14h da próxima quarta-feira (29) no Palácio da Justiça.
Aguarde mais informações

Nenhum comentário:

Loading...

Arquivo do blog